top of page
  • Foto do escritorWMB Marketing Digital

3 tendências culturais identificadas pelo Twitter

Estudo Twitter Trends Brasil aponta cuidado com o planeta e a sociedade, cultura de fandoms e arte digital como grandes temas para que marcas se conectem com a audiência

Em tempos de acelerada transformação, com a retomada pós-pandemia, evolução digital e uma série de mudanças na maneira como a sociedade se comporta e consome, o Twitter Trends Brasil mostra o cuidado com o planeta e a sociedade, a cultura de fandoms e a arte digital como as grandes tendências culturais do país para este momento. Feito a partir dos tópicos que mais ganharam força entre as conversas dos brasileiros e que estão se encaminhando para algo cada vez maior, o estudo tem como objetivo auxiliar as marcas a anteciparem suas narrativas para estabelecerem uma conexão legítima com o público.


Berço de importantes debates, tendências e movimentos que extrapolam o mundo digital, o Twitter é o lugar onde as pessoas estão abertas e receptivas para falar de seus interesses e participar de conversas fora de seus círculos sociais. A rede social é um termômetro do que está acontecendo no mundo, já que é nele que as pessoas demonstram suas emoções, afinidades e paixões.


Realizado pela área de pesquisa do Twitter no Brasil em parceria com as empresas Pulsar e Canvas8, o levantamento consistiu na análise de uma amostragem de bilhões de Tweets para encontrar os tópicos específicos que mais ganharam força entre julho de 2020 e junho de 2022 e na previsão de quais conversas estão se encaminhando para algo cada vez maior. Também foram consultados especialistas nos assuntos para aprofundar o contexto de cada tópico encontrado. Além do Brasil, a pesquisa foi reproduzida em outros 15 países, incluindo EUA, Canadá, Reino Unido e México.


Veja mais sobre cada uma das tendências culturais reveladas no Twitter Trends Brasil:


Sinergia de cuidados


O tópico está diretamente relacionado a questões importantes como justiça social, emergência climática, biodiversidade brasileira e impactos aos povos indígenas. Dentre as conversas que cresceram no Twitter ao longo do último ano, as preocupações levantadas pelas pessoas são a insegurança alimentar, que registrou um aumento de 124% nas menções; o racismo ambiental, com 75% de menções a mais; e integração social, com crescimento de 128% no número de conversas. Além disso, o futuro do planeta foi tema de conversas que tiveram um crescimento de 36% no Brasil, com “desmatamento”, “Amazônia” e “mudanças climáticas” liderando a lista dos termos mais mencionados sobre esse assunto.


Em torno desta sinergia de cuidados necessária para se construir um amanhã melhor, cientistas, líderes indígenas e ativistas utilizam o Twitter para dar voz às suas demandas e propostas e unir forças na conscientização sobre a fragilidade do ecossistema brasileiro. Segundo o estudo, é possível observar que a saúde pessoal e do planeta estão cada vez mais entrelaçadas.


Universos criados por fãs


Ao falar em fandoms, os grupos de fãs que se conectam e debatem sobre suas paixões diariamente no Twitter, os assuntos em alta na plataforma são em torno de reality shows, música e entretenimento. No último ano, foi contabilizado um aumento de quase 100% em menções à ex-BBB Juliette, cuja ascensão durante e após o programa de TV esteve acompanhada de uma legião de fãs no Twitter. No território da música, quem tem ganhado ainda mais destaque é o fandom da banda de K-pop BTS, conhecido por #BTSArmy, que engajou as pessoas na plataforma em assuntos para além do seu nicho ao incentivar os jovens eleitores do Brasil a votar.


Seja com foco em entretenimento, música ou TV, os fandoms estão presentes no Twitter de forma massiva. De acordo com o levantamento, houve um crescimento de 1.573% nas conversas sobre fan-token, uma propriedade digital específica que fãs podem colecionar. Para além da popularização das artes digitais, essa tendência mostra que as pessoas têm se identificado e engajado cada vez mais em torno de suas paixões e seus desdobramentos dentro da plataforma.


Arte movida a tecnologia


Com a ascensão do mercado de criptomoedas, o Twitter tem se tornado cada vez mais um espaço em que as pessoas compartilham e entram em conversas sobre artes e peças colecionáveis digitais - os chamados NFT. Os Tweets sobre o assunto tiveram crescimento de 960% na plataforma e englobam tanto artistas digitais quanto colecionadores que se inseriram na comunidade de arte digital. Dados do estudo mostram que houve crescimento de mais de 264% no número de autores únicos de conteúdos sobre arte no Twitter.


A conexão da comunidade artística com a de finanças digitais, que movimenta o assunto de criptomoedas, permitiu que artistas independentes tivessem uma outra forma de se expressar e monetizar seu trabalho. Além disso, frequentemente as temáticas abordadas nas obras digitais se entrelaçam com outros temas, como educação, preservação do meio ambiente e movimentos sociais. Para o Twitter, o casamento do universo de finanças com o artístico tem fomentado, no Twitter, uma comunidade criativa e ligada nos insights do amanhã que está em crescimento exponencial e tem revolucionado as dinâmicas culturais e sociais.


Fonte: Mundo do Marketing

Comments


bottom of page