• WMB Marketing Digital

81% dos brasileiros memorizam anúncios na TV Conectada por até 24 horas após serem impactados

Brasileiros formam público com maior capacidade de recordação após visualizarem propagandas no streaming de vídeo, aponta relatório da Rakuten Advertising

Cada vez mais presente no gosto popular, o streaming de vídeo segue explorando novas formas de entrega de conteúdo e amplia a gama de possibilidades no âmbito da publicidade. Em recente pesquisa realizada no mundo todo, a Rakuten Advertising levantou novos e poderosos insights sobre esse mercado que mostrou que, globalmente, uma média de 60% dos espectadores se recordam corretamente de um anúncio 24 horas depois de vê-lo no formato de TV Conectada (CTV).


Dentre os brasileiros, esse percentual é o maior de todos, já que 81% dizem ser capazes de manter essa memorização -- à frente dos espectadores da Espanha (70%); Itália (66%), Alemanha (56%), França (54%), Reino Unido (54%) e EUA (36%).


O estudo também avaliou o poder de repercussão da mensagem, indo além do seu reconhecimento. Para 56% dos brasileiros, esse impacto está diretamente ligado ao mindset do espectador enquanto assiste ao streaming. Ou seja: a publicidade contextualizada, associada ao conteúdo do streaming, cria um poder de assimilação no espectador que gera maior entendimento da mensagem.


Ainda que o streaming de vídeo seja um mercado relativamente novo, os dados do estudo apontam que essas plataformas já estão concorrendo à altura com veículos tradicionais, a exemplo da TV, quando o assunto é eficácia da publicidade. Considerando o poder de captação e assimilação do público final, a fórmula de entrega se resume aos três “Rs”: Recordação, Repercussão e Retorno.


No campo da recordação, o famoso recall da transmissão é um modelo de longa data e bem-sucedido para a publicidade de TV tradicional. Isso porque a exposição generalizada leva à conscientização e à recordação.


Os dados também mostram que as estratégias de transmissão agora devem ser construídas ao lado do que o mercado chama de "narrowcasting" (disseminação de informações para um público restrito). Nesse quesito, será fundamental a capacidade da CTV de ajudar o público a aprimorar a sua mentalidade enquanto consome conteúdo, o que qualifica a sua repercussão.


A importância da fixação da mensagem


Já em relação ao último “R” (o retorno), que diz respeito à conversão, a pesquisa conclui que a associação entre o entendimento da mensagem e sua conexão com os produtos está gerando retornos tangíveis ao investimento em publicidade. Os espectadores reagem aos anúncios de acordo com o conteúdo consumido no streaming, sendo direcionados para o botão de compra.


Globalmente, 71% dos entrevistados afirmaram que compram ou compram ocasionalmente o produto ou serviço depois de vê-lo anunciado em serviços de streaming. No Brasil, o número é ainda maior, chegando novamente a 81%.


Para a Rakuten, essas descobertas demonstram o motivo pelo qual a publicidade em plataformas de TV Conectada é parte intrínseca de uma estratégia de mídia bem-sucedida. Quando o anúncio do produto prioriza o contexto, ele repercute mais e gera melhor recall, com maior propensão à compra. Uma abordagem que só é possível por meio da compreensão do humor do espectador – algo exclusivo no streaming de vídeo e uma das razões pelas quais ele alcançou a TV tradicional em relativamente pouco tempo.


Fonte: Mundo do Marketing