top of page
  • Foto do escritorWMB Marketing Digital

Starlink vira líder entre operadoras de internet via satélite no Brasil




A provedora de internet via satélite Starlink é a nova líder da categoria no Brasil. Dados de maio de 2024 da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) confirmam a ultrapassagem da companhia fundada por Elon Musk em quantidade de clientes.


Segundo o levantamento da Anatel, a Starlink fechou o mês de maio deste ano com 200.320 "acessos", termo que representa a quantidade de assinantes. Isso significa que a companhia conquistou 38 mil novos clientes em apenas um mês no território nacional e agora acumula 42,5% do mercado.


A Starlink chegou ao Brasil em 2022 com a promessa de levar internet para todo o território nacional graças à constelação de satélites enviada ao espaço por foguetes da SpaceX. Apesar de polêmicas envolvendo contratos com o governo e declarações controversas de Musk, ela tem mudado a vida até mesmo de moradores de reservas indígenas.


Na metade de 2023, a empresa reduziu os preços para novos assinantes e manteve o valor da assinatura com desconto para acelerar a adoção. Em outubro do ano passado, a Starlink já registrava clientes em 90% das cidades da Amazônia — sendo preferida até em comparação com empresas de banda larga fixa ou telefonia móvel, que não oferecem serviços ou oferecem sinal instável em regiões mais remotas.


O mercado de internet via satélite no Brasil


Em operação no Brasil desde 2016, a Hughesnet é agora a vice-líder. Ela registrou pouco mais de 179 mil acessos no período avaliado, uma queda em relação ao mesmo período do ano anterior. Antes detentora de 53,6% do setor, ela agora tem participação de mercado de 38,1%.


As demais companhias que oferecem internet via satélite no Brasil são as seguintes, com a respectiva quantidade de assinantes em maio de 2024:


  • ViaSat — 26,4 mil acessos

  • Telebras — 20,7 mil acessos

  • Claro — 19,5 mil acessos

  • Oi — 8,2 mil acessos

  • Itacell Telecom — 5,3 mil acessos

  • BT — 3,7 mil acessos

  • Virtua-Net Telecom — 1,4 mil acessos

  • Telefónica — 1,2 mil acessos


Em quantidade de acessos de todas as operadoras, o setor cresceu 29,4% em relação a maio do ano passado e 6,2% em relação a abril deste ano. E esse mercado ficará mais aquecido em breve, com a confirmação de que a Amazon vai fornecer os serviços próprios de internet via satélite em parceria com a Sky.


Fonte: Tecmundo


Acesse nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.

Comments


bottom of page